As épocas festivas são um pretexto para esquecer a balança e aproveitar um pouco mais as bebidas e os deliciosos pratos típicos, não é mesmo? No entanto, para evitar problemas indesejados, todo cuidado é pouco. A higiene bucal em períodos de festa não deve ser relegada.

Afinal de contas, a falta de atenção com a saúde da boca pode causar desde mau hálito a doenças, como a gengivite. É importante lembrar que os problemas bucais são acompanhados de incômodos, além de gerar prejuízos à aparência e à imagem pessoal e profissional.

Neste post, descubra qual a importância de cuidar da higiene bucal em períodos de festa e confira as 7 dicas para ficar em dia com a saúde da sua boca!

Por que é importante cuidar da higiene bucal em períodos de festa?

Natal, Ano Novo, Carnaval, Páscoa. Ao menos um desses eventos não passa despercebido em nossas vidas. Tais épocas são propícias para relaxar, se divertir, rever a família e os amigos… e se deliciar com os tradicionais e saborosos menus, é claro.

Sem dúvida, os dias de confraternizações e descanso são merecidos. Porém, é importante aproveitar esses eventos com responsabilidade, pois os descuidos e os excessos são prejudiciais à saúde. Nem mesmo a higiene bucal em períodos de festa deve ser deixada de lado.

Nessas épocas, costumamos comer e beber mais e com mais frequência. Por sua vez, muitas vezes relaxamos na escovação e no uso do fio dental. Há, inclusive, quem esqueça de higienizar a região bucal após as refeições.

Como sabemos, a falta de cuidados com a boca é o ingrediente perfeito para o aparecimento de mau hálito, tártaro, cáries, placas bacterianas e até mesmo doenças, como a gengivite. É no período festivo que muitos desses problemas surgem e chegam a comprometer as relações pessoais e profissionais.

Os pratos ricos em açúcar podem representar um perigo ainda maior, pois são fontes de bactérias que se formam em apenas 15 minutos depois de consumidos. Para evitar que os microrganismos atuem e prejudiquem a saúde da boca, é fundamental escovar os dentes logo após a ingestão dos alimentos.

O que fazer para ficar em dia com a saúde bucal?

Ao adotar alguns hábitos simples, você vai garantir a proteção dos seus dentes e da sua boca durante os períodos de festa. Confira as dicas úteis que listamos!

1. Hidrate-se

Beber bastante água é importante para hidratar o corpo e manter a produção da saliva, que protege os nossos dentes da ação de bactérias e ajuda a eliminar os restos de alimentos após o consumo. Do contrário, a boca pode ficar seca, o que favorece o mau hálito e o aparecimento de cáries.

2. Evite o consumo excessivo de álcool

As bebidas alcoólicas desidratam e reduzem a produção de saliva, o que pode provocar mau hálito, além de favorecer o surgimento de cáries. Isso acontece porque elas liberam um ácido que desgasta o esmalte dos dentes, de modo a deixá-los mais vulneráveis.

A situação é pior quando se combina a substância com o açúcar. Por isso, a recomendação é evitar excessos e intercalar o consumo de bebidas alcoólicas com goles de água. Lembre-se também de realizar a escovação uma hora e meia após a ingestão de álcool.

3. Não esqueça da escovação logo após as refeições

Em determinadas épocas festivas, a fartura é o principal atrativo. Durante o Natal, a Páscoa e em outras datas consagradas, é impossível resistir aos deliciosos pratos doces e salgados que ficam à nossa disposição, não é mesmo?

Mas é importante lembrar que as bactérias geradas pelo consumo de alimentos não tiram férias. Para quem adora doces, saiba que as opções ricas em açúcar são ainda mais propensas à formação de cáries e outras doenças nos dentes e na boca. Logo, a higiene bucal em períodos de festa não deve ser esquecida.

4. Dê atenção aos sintomas de doenças transmitidas pela saliva

Algumas épocas festivas são propícias para o aparecimento de doenças transmitidas pela saliva, como é o caso do Carnaval. Logo, é preciso dar atenção aos sintomas se você perceber que há algo errado com o seu corpo e a sua boca.

Chamada popularmente de “doença do beijo”, a mononucleose provoca febre, lesões brancas na boca e na garganta, mal-estar, dores de cabeça e garganta, ínguas no pescoço e aumento dos gânglios. Os mesmos sintomas podem ser observados em quem tem candidíase oral, conhecida também como sapinho.

Até mesmo a sífilis pode ser transmitida pela saliva, caso haja feridas na boca de quem está com a infecção. Como essas doenças não podem ser prevenidas, é importante procurar o médico de imediato para que sejam tratadas o mais rápido possível.

5. Alimente-se adequadamente

É também durante o Carnaval que muitos foliões se empolgam nas ruas e na avenida e acabam deixando de repor os nutrientes necessários para o corpo funcionar bem. Ficar sem comer em períodos longos favorece o mau hálito. Portanto, não deixe de se alimentar adequadamente, nem que seja com opções mais leves.

6. Proteja os lábios

Os festejos também são um prato cheio para aproveitar o sol, o mar e a piscina, não é? De fato, quem trabalha o ano inteiro merece relaxar e curtir durante as datas especiais. Afinal de contas, ninguém é de ferro.

Para aproveitar as festas com segurança, é fundamental proteger os lábios dos raios ultravioleta, causadores do câncer. A recomendação é usar protetor labial com filtro solar, que evita o ressecamento e queimaduras na região.

7. Consulte o dentista após as festas

O período pós-festa é ideal para agendar uma consulta com o dentista. Inclusive, esse hábito é adotado por muitas pessoas que se preocupam com a saúde bucal e não abrem mão de um sorriso bonito e atraente. Isso vale para quem tomou os devidos cuidados e, principalmente, aos que cometeram algum deslize durante as datas festivas.

Agora, sim, você sabe o que fazer para cuidar da higiene bucal em períodos de festa. Para evitar doenças e lesões na região, lembre-se de manter a higienização adequada dos dentes e da boca em qualquer época do ano, combinado?

E então, o que achou do post? Já toma os devidos cuidados para preservar a saúde bucal? Se deseja ficar a par de outras informações sobre o tema, siga a nossa página no Facebook!