Carvão ativado para clarear os dentes: descubra os riscos dessa técnica

6 minutos para ler

O desejo de ter dentes mais brancos pode fazer as pessoas aderirem a alguns métodos que são prejudiciais para a qualidade da saúde bucal. Um deles é o carvão ativado para clarear os dentes, que é facilmente comprado na farmácia por menos de R$20, cuja receita de clareamento existe em demasia pela internet.

No entanto, os dentistas alertam para os riscos de realizar esse procedimento. Afinal, há várias técnicas atualmente nos consultórios odontológicos que visam clarear os dentes, como o próprio clareamento dental ou as lentes de contato. Nesse sentido, nenhuma delas utiliza o carvão ativado, pois, além de não ter a eficácia comprovada, oferece risco à cavidade interna da boca.

Quer saber quais são os principais riscos ao aderir a esse procedimento? Então, continue a leitura!

Quais os principais riscos causados pelo carvão ativado para clarear os dentes?

Na forma de carbono puro de alta porosidade, essa substância é utilizada para diversas finalidades, como tratamento de água, problemas intestinais e para processos na área da indústria de produtos farmacêuticos e alimentícios. Isso acontece porque esse produto tem a finalidade de remover impurezas, clarificar, desodorizar e purificar em alguns processos.

No caso dos dentes, as pessoas o utilizam com o objetivo de deixá-los mais claros. No entanto, essa técnica apresenta alguns riscos. Acompanhe e entenda!

Desgaste do esmalte do dente

De acordo com a receita de carvão ativado para clarear os dentes, o indivíduo deve passar a substância em forma de pó de uma a duas vezes por dia. Por outro lado, é importante destacar que esse produto é altamente corrosivo e abrasivo, sendo capaz de desgastar uma superfície ao entrar em contato com ela.

Dessa forma, esse procedimento pode desgastar o esmalte do dente, provocando também sensibilidade e dor. Esse desgaste é irreversível, pois o esmalte não se regenera, então o indivíduo ficaria com esse dano para sempre.

Técnica sem comprovação

Até o momento, não existem estudos que comprovam a eficácia do carvão ativado para clarear os dentes. Isso ocorre porque não foram feitos testes com esse produto e não existem protocolos na área com o objetivo de orientar a utilização dessa substância nos consultórios odontológicos.

Sendo assim, ainda não existem artigos científicos que apontam a relação do carvão com a mudança na cor dos dentes. Com isso, além de não apresentar uma eficácia comprovada no ramo da odontologia, o carvão ainda pode prejudicar a qualidade dos dentes.

Aumento das cáries

Por ser capaz de provocar a corrosão, quebra e, até mesmo, a exposição da raiz, o carvão ativado age como se fosse uma lixa em cima dos dentes. Assim, eles ficam mais fracos e sensíveis, já que ocorre o desgaste do esmalte, provocando a maior suscetibilidade para o surgimento de cáries.

Isso ocorre porque, ao aparecerem arranhaduras no esmalte, as bactérias conseguem se fixar e se acumular com maior facilidade. Lembrando que a cárie é a doença bucal mais comum, mas pode ser evitada por meio de cuidados básicos com a higiene bucal.

Reação alérgica

Um dos riscos que costumam chamar menos atenção em relação ao carvão ativado é a reação alérgica. Afinal, geralmente, o indivíduo só sabe que tem alergia a algum produto quando o toma pela primeira vez.

Nesse sentido, ao utilizar essa substância com o objetivo de clarear os dentes, é possível originar uma reação alérgica e, inclusive, parar no hospital por causa disso.

Pigmentação indesejada dos dentes

Como se sabe, a tonalidade dos dentes pode sofrer alteração de acordo com as substâncias ingeridas de modo excessivo, como o café, refrigerante de cola, vinho, chocolate, chá, nicotina e suco de uva. O mesmo pode acontecer com o carvão ativado.

No caso de pessoas que fizeram restaurações estéticas, o carvão ativado pode entrar em contato com elas e causar a alteração da pigmentação. Dessa forma, em vez de ter os dentes brancos, o procedimento resulta em dentes manchados.

Surgimento de úlceras 

Sabe aquela dor abdominal causada por uma úlcera? Então, o carvão ativado pode provocar esse surgimento. Considerada um tipo de lesão aberta, a úlcera surge em diversos locais do corpo, como o estômago, esôfago ou intestino delgado.

Para tratar esse problema, é necessário marcar uma consulta com um médico, pois, certamente, ele indicará algum antibiótico com o objetivo de curar a lesão. Revela-se importante destacar, ainda, que a úlcera pode tanto ser de um tamanho pequeno como do tamanho de uma cratera, então o seu diagnóstico e tratamento deve ser feito o mais rápido possível.

Aumento da sensibilidade

Ao deixar os dentes desprotegidos, por meio do desgaste dos esmaltes, o indivíduo pode sentir um aumento da sensibilidade na região. Dessa forma, atividades como comer um sorvete, beber água gelada ou ingerir alimentos quentes se tornam torturantes.

Além disso, pessoas que já têm cáries e infiltrações podem piorar ainda mais a sensibilidade dos dentes ao utilizar o carvão ativado. Dessa forma, percebe-se que aderir a esse procedimento não traz nenhum benefício para a saúde da cavidade interna da boca.

Como clarear os dentes com segurança e eficácia?

Com o objetivo de clarear os dentes de forma eficaz e saudável, o mais indicado é marcar uma consulta com um dentista capacitado e de confiança. Assim, é possível realizar um procedimento que cause um clareamento sem prejudicar a região bucal.

No clareamento feito pelo dentista, geralmente é aplicado um gel clareador, que penetra na estrutura e quebra os pigmentos mais escuros em menores partículas, promovendo a eliminação deles e o surgimento de uma cor mais clara dos dentes. 

Aliás, é importante lembrar que nem sempre o sorriso ficará completamente branco. Isso porque, em alguns casos, existe o envelhecimento natural da dentição e a variação na coloração de acordo com a composição dos dentes do paciente. Sendo assim, não há possibilidade de prever exatamente como será o resultado.

De qualquer forma, fazer o clareamento no dentista é muito mais recomendado que usar o carvão ativado para clarear os dentes. Afinal, se feito com um profissional qualificado, o clareamento no consultório odontológico pode oferecer resultados satisfatórios para o paciente, ao contrário do uso do carvão, que, ao final do processo, é capaz de destruir os esmaltes e a saúde bucal.

Então, se você deseja ter os dentes mais claros, que tal entrar em contato conosco? Assim, é possível escolher uma modalidade de clareamento que não prejudique os seus dentes e ainda promova o sorriso dos seus sonhos!

Posts relacionados

Deixe um comentário