O que fazer diante de uma fratura dental?

4 minutos para ler

Fratura dental são lascas ou pedaços de dentes que se soltam da boca por diferentes razões, como quedas, o ato de mastigar um alimento muito duro (bala, por exemplo), acidentes, entre outras. Quando um dente quebra, podemos dizer que ele sofreu uma fratura.

Algumas pessoas têm propensão à fratura dental, como aquelas que sofrem de bruxismo (ranger dos dentes) ou passaram por muitas restaurações. As fraturas podem ser classificadas por níveis, de pequeno a grande. De acordo com o grau de gravidade, o dentista realizará o procedimento para manter ou recuperar as funções do dente.

Neste post, você vai saber o que fazer diante de uma fratura dental, por que procurar o dentista imediatamente e quais procedimentos são realizados para recuperar a forma e as funções do dente. Acompanhe!

Qual é o primeiro passo ao sofrer fratura dental?

A primeira ação a fazer é encontrar a lasca ou o pedaço de dente quebrado. Assim, há chances de a porção dentária ser recolocada na cavidade bucal. Porém, não segure o dente pela raiz, caso ela esteja exposta. Você deve armazená-lo em um recipiente higienizado para possibilitar o procedimento.

No caso de dentes de criança, a recomendação é lavar com soro fisiológico, mergulhando-os na substância até o momento do atendimento. Não se esqueça também de higienizar a boca com água, especialmente se houver concentração de sangue em seu interior.

O uso de gelo pode ajudar a estancar o sangue. Contudo, para não acentuar a sensibilidade, é preciso ter cuidado com os excessos. Mesmo que a porção do dente não seja encontrada, você deve procurar o consultório odontológico de imediato para que o procedimento mais adequado seja realizado.

Por que procurar o dentista com urgência?

O dentista vai avaliar a gravidade da fratura dental e seguir com o procedimento mais apropriado. Adiar a ida ao consultório pode acarretar problemas aparentemente irrelevantes, mas que no longo prazo se tornarão permanentes por falta de tratamento.

Além disso, é preciso assegurar que não há nenhuma outra parte do corpo comprometida além do dente, evitando assim sérios traumas, principalmente no caso de crianças. O dentista poderá lançar mão das tecnologias disponíveis para examinar o paciente com cuidado e precisão.

Quais procedimentos são necessários para restabelecer o dente quebrado?

Como dissemos, os procedimentos realizados para solucionar a fratura dental dependem do seu grau de gravidade. Saiba mais a seguir!

Fratura pequena

É quando o dente lasca, exigindo polimento para não haver o risco de machucar e lesionar os demais.

Fratura pequena ou média

É quando o dente quebra. Se a parte quebrada não for encontrada, é necessário fazer uma restauração — em geral, com resina. Assim, é possível recuperar seu formato e suas funções.

Fratura grande

Quando a fratura ultrapassa a linha da gengiva, ela é considerada grande. Em geral, tal quadro exige a extração dentária, a fim de aliviar a dor e diminuir os riscos de infecção. Se o trauma for muito grande, é preciso fazer a colocação de coroa de porcelana.

Tirou suas dúvidas sobre fratura dental? Antes de qualquer procedimento, cabe ao dentista observar se a parte interna ficou exposta após a quebra do dente. Em caso afirmativo, é aconselhado realizar tratamento de canal no local lesionado, de modo a evitar a necrose da polpa dentária.

Agora que você aprendeu o que fazer diante de uma fratura dental, continue por aqui e saiba quando procurar um dentista em situações de urgência e emergência!

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário