O dente é uma estrutura bastante resistente do nosso corpo, isso porque está protegido pelo esmalte dentário, que é altamente mineralizado. Esse tecido recobre a dentina e a polpa, camadas que apresentam terminações nervosas e, por isso, são mais sensíveis.

Apesar de garantir dureza ao dente e ajudar na mastigação, alguns fatores podem provocar a perda do esmalte do dente. O problema — além de interferir na estética do sorriso — pode causar uma série de complicações bucais, por isso deve ser tratado.

Quer entender melhor o que causa esse desgaste, como identificar que isso está ocorrendo e as melhores opções de tratamento? Confira nosso post!

Por que ocorre a perda do esmalte do dente?

É preciso estar atento à perda do esmalte do dente, visto que um desgaste mínimo no tecido já pode deixar expostas partes com terminações nervosas. É uma situação que provoca dor e favorece o surgimento de doenças bucais.

Mas se é uma estrutura de extrema dureza e bastante mineralizada, por que ocorre sua perda? São diversos fatores que podem contribuir para esse quadro, como:

  • cáries: a má higienização bucal e o consumo exagerado de açúcar são um prato cheio para a cárie. As bactérias produzem ácidos que vão, aos poucos, desmineralizando o dente;
  • bruxismo: o hábito de ranger os dentes de forma exagerada, principalmente na hora do sono, também danifica o esmalte;
  • problemas de mordida: dentes ou arcadas desalinhadas podem gerar desgastes no momento da mastigação;
  • alimentação: o consumo de alimentos ácidos, como refrigerantes, sucos cítricos e alguns produtos industrializados, também causa desgaste no tecido;
  • refluxo gastroesofágico: o quadro leva os ácidos estomacais para a boca, causando erosão na estrutura dentária;
  • escovação: utilizar escovas com cerdas muito duras ou colocar força para fazer a limpeza é prejudicial aos dentes. O uso de cremes dentais abrasivos também contribui para a perda do esmalte dentário;
  • traumas e manias: acidentes envolvendo os dentes, como uma pancada na boca, ou o hábito de morder objetos duros, como tampas de caneta, desgastam a estrutura.

Como identificar o problema?

Muita gente demora para perceber a perda do esmalte do dente e só procura o dentista por conta da dor ao consumir alguns alimentos. Veja a seguir como notar o surgimento desse quadro.

Coloração dos dentes

O esmalte é responsável pela aparência nos dentes, por isso, quando ele começa a se desgastar, é possível perceber mudanças na coloração.

Os dentes podem ficar mais amarelados ou ainda com a ponta mais transparente. Fique sempre atento ao aspecto do seu sorriso para evitar problemas bucais.

Ranhuras ou trincas

Além de modificações na tonalidade, a perda do esmalte do dente pode provocar ainda ranhuras ou trincas na estrutura dental.

Sensibilidade dental

Por fim, o problema pode levar a um quadro bem doloroso, o de sensibilidade dental. Isso ocorre porque a dentina fica exposta e a pessoa passa a sentir dor ao consumir alimentos mais quentes ou frios ou no momento da escovação. Nesse caso, até mesmo o simples contato com o ar pode incomodar.

É uma situação que atrapalha bastante a qualidade de vida, pois desfrutar de um cafezinho ou de um picolé torna-se um sofrimento e, assim, esses alimentos passam a ser evitados.

É importante tratar a sensibilidade dental, pois, além da dor, os dentes ficam mais suscetíveis a inflamações e infecções.

Quais são as formas de tratamento?

O tratamento odontológico vai variar de acordo com o grau de perda do esmalte dental. Porém, é importante destacar que os dentes não dão muitos sinais do desgaste, principalmente no início. Dessa maneira, é fundamental realizar as consultas periódicas no dentista para a prevenção do problema.

Abordagem multidisciplinar

Em primeiro lugar, o dentista precisa conhecer os hábitos do paciente e seu histórico de saúde para entender os fatores desse desgaste. Como podem ser decorrentes de causas internas — como no caso do refluxo gastroesofágico — é necessária uma conduta multidisciplinar, ou seja, deve ser incluído o tratamento médico.

Se a perda do esmalte ocorre pelo consumo de alimentos muito ácidos, além do tratamento odontológico, é essencial que o paciente receba a ajuda de um nutricionista.

Resinas, selantes e verniz fluoretado

Uma das formas de tratamento é a aplicação de selante ou resina, que vão fechar as fissuras no esmalte, protegendo o dente. O dentista pode utilizar também um verniz fluoretado, que se fixa no esmalte e tem o poder de mineralizar o dente.

Laser de baixa potência

No caso da sensibilidade dental, o tratamento pode ser feito com o uso de laser de baixa potência, que vai aliviar o desconforto, pois tem uma ação anti-inflamatória e analgésica.

Placas intraorais

Já no caso do bruxismo, o dentista pode indicar o uso de placas intraorais, que vão evitar o atrito entre os dentes e, consequentemente, o desgaste do esmalte dentário. Como o quadro pode ser decorrente de muita tensão e estresse do paciente, recomenda-se também sessões de psicoterapia.

Lentes de contato e facetas de porcelana

Para quem quer proteger a saúde bucal e também recuperar a estética do sorriso, é possível colocar lentes de contato dental ou facetas de porcelana. São laminados ultrafinos, colados dente a dente, que têm a mesma aparência, durabilidade e resistência do dente natural. 

É um tratamento rápido, que visa à correção de pequenas imperfeições — como as ranhuras e fissuras decorrentes da perda do esmalte dentário.

Aparelhos ortodônticos

Para correção de dentes desalinhados e problemas de mordida, o profissional realiza o tratamento com aparelho ortodôntico, que vai melhorar a qualidade de vida, prevenir problemas bucais e ainda garantir um sorriso dos sonhos.

Independentemente das causas, a dica é sempre procurar um dentista com boa qualificação para que ele consiga entender o problema e indicar o melhor tratamento. O profissional pode orientar também quanto aos bons hábitos de escovação — como a utilização de uma escova de cerdas macias e a realização de movimentos suaves.

A perda do esmalte do dente é uma condição que exige atenção especial, pois deixa o dente mais vulnerável a uma série de problemas bucais. Dessa maneira, fique de olho no aspecto dos seus dentes e procure investigar qualquer incômodo, já que pode significar o desgaste desse tecido.

Quer fazer uma avaliação do seu sorriso com um time de especialistas? Entre em contato com o CROOL Centro Odontológico e receba o melhor atendimento!