Confira os 4 principais problemas ortodônticos tratados por profissionais

3 minutos para ler

Você já pensou em usar aparelho nos dentes? Segundo dados da Pesquisa Nacional de Saúde Bucal em 2010, 35% da população brasileira apresentava um ou mais problemas ortodônticos que precisariam ser corrigidos com o tratamento. Apesar disso, muitas pessoas ainda sentem receio de buscar por um acompanhamento profissional ou sequer têm ciência dos problemas.

Entre as disfunções mais relatadas pelos dentistas estão os problemas de mordidas, diastemas e dentes apinhados. Quer entender melhor o que é cada uma dessas condições e como identificá-las e tratá-las? Então é só continuar a leitura.

1. Mordida aberta

A mordida aberta acontece quando os dentes de cima e de baixo não se tocam ao morder. O problema pode surgir por conta de hábitos da primeira infância, como chupar o dedo e utilizar chupetas e mamadeiras. Além disso, outras causas da mordida aberta são: respiração pela boca, problemas no crescimento da maxila e amígdalas muito grandes.

Na maioria das vezes, o problema se autocorrige com a interrupção dos hábitos até os quatro anos de idade. No entanto, quando a mordida aberta persiste após a dentição permanente, é preciso realizar o tratamento com aparelho ortodôntico o quanto antes para maiores chances de correção.

2. Mordida profunda

A condição normal da mordida ocorre quando, ao fechar a boca, nossos dentes de cima ultrapassam a parte inferior. No entanto, quando essa diferença é muito grande, chegando a cobrir totalmente os dentes inferiores ou até mesmo tocar a gengiva de baixo, ocorre uma má oclusão chamada de sobremordida ou mordida profunda.

Comumente, a mordida profunda ocorre por questões genéticas e hereditárias. O tratamento costuma ser realizado por meio do uso de aparelhos ortodônticos.

3. Diastema

Entre os problemas ortodônticos, o diastema é o mais inofensivo. Ele é caracterizado pelo espaço entre os dentes e é bastante comum nos dentes superiores da frente. Esses espaços podem ocorrer por diferentes motivos, como dentes muito pequenos ou mesmo a falta de algum dente que não chegou a ser formado.

Essa condição não chega a afetar o bom funcionamento da boca, mas pode causar prejuízos estéticos e constrangimentos. Para solucionar o problema, é possível investir em um tratamento ortodôntico ou na aplicação de lentes de contato. 

4. Dentes apinhados

O apinhamento ocorre quando os dentes são grandes demais para se acomodarem na arcada. Assim, eles começam a disputar espaço e acabam ficando uns sobre os outros. O problema, geralmente, está relacionado à questões genéticas.

Além do desconforto estético, os dentes apinhados dificultam a higiene bucal e podem favorecer doenças, como cáries e tártaro. Para a correção é recomendado o tratamento ortodôntico e pode ser necessário realizar extrações.

Os problemas ortodônticos ocorrem com frequência e podem comprometer não só a estética do sorriso, mas também as funcionalidades da boca. A melhor forma de tratá-los e buscando acompanhamento de profissionais qualificados e experientes. Na Crool você encontra uma equipe especializada para a resolução dos principais problemas dentários.

E você, sofre com algum desses problemas? Deixe o seu comentário contando um pouco mais sobre a sua experiência.

Posts relacionados

2 thoughts on “Confira os 4 principais problemas ortodônticos tratados por profissionais

Deixe um comentário