É possível fazer profilaxia com aparelho ortodôntico? Entenda aqui

3 minutos para ler

Manter a higienização bucal é fundamental durante toda a vida. Além de cuidar dos dentes em casa, é necessário também ir ao dentista para fazer a limpeza regularmente. No entanto, será que é possível fazer profilaxia com aparelho ortodôntico?

Muitas pessoas que usam aparelho têm essa dúvida, porque acreditam que os bráquetes podem dificultar a limpeza correta no dentista, mas será que isso é verdade? Para responder a essa pergunta, elaboramos este post. Vamos tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto. Continue a leitura para saber mais!

O dentista faz profilaxia com aparelho ortodôntico?

Para não prolongarmos o mistério, aqui vai a verdade: sim, é possível fazer profilaxia com aparelho ortodôntico! Na verdade, não só é possível, como também, é altamente recomendado.

Isso porque os bráquetes e os fios do aparelho realmente dificultam a higienização adequada da região bucal, então, o cuidado precisa ser redobrado. Por isso, é necessário fazer a profilaxia mais vezes do que o habitual.

A frequência exata é o profissional quem decide, mas, geralmente, o recomendado é que o paciente faça, pelo menos, três limpezas dentárias em um ano. Assim, ele consegue evitar o acúmulo de placas bacterianas.

Como é feita a profilaxia dental com aparelho ortodôntico?

A profilaxia funciona da mesma forma para pessoas que têm ou não aparelho ortodôntico. Ou seja, o profissional utiliza as mesmas ferramentas, mas toma o cuidado de não afetar os bráquetes nem os fios. Para isso, não mexe exatamente nessas regiões, e sim, ao redor delas.

Durante a limpeza, o dentista remove os tártaros, utilizando um aparelho de ultrassom que quebra essas placas bacterianas. Ele faz esse processo em todos os dentes. Em seguida, ocorre o processo de raspagem do tártaro com as curetas manuais, que entram um pouco na gengiva.

Depois, acontece o polimento, em que escovas ou taças de borracha deixam a superfície dos dentes mais lisa e, assim, dificultam que placas bacterianas se instalem ali. Por último, o flúor é aplicado nos dentes para que seja possível prevenir as cáries.

Quais são os prejuízos de não fazer a profilaxia?

Cuidar dos dentes tanto em casa (com a escovação e fio dental todos os dias) quanto no dentista (com a profilaxia no consultório, a fim de remover os tártaros) é fundamental para qualquer pessoa, ainda mais para quem usa aparelho ortodôntico. Afinal, ele acaba favorecendo o acúmulo de bactérias.

Caso a pessoa não tenha o hábito de realizar a limpeza dos dentes, fica mais suscetível a ter doenças dentárias, como as cáries. Se elas forem muito profundas, podem afetar a raiz do dente e, inclusive, enfraquecê-lo ao ponto de sua perda. Em outros casos, torna-se necessário fazer o canal para tentar salvar a raiz.

Dessa forma, é muito melhor prevenir esse problema do que tentar resolvê-lo, não é mesmo? Por isso, a profilaxia com aparelho ortodôntico não deve ser negligenciada, já que ela garante a qualidade ideal da saúde bucal.

Se você tem aparelho e deseja fazer a limpeza com um profissional de confiança, entre em contato conosco para agendar a sua consulta!

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário