Prótese com ou sem implante: entenda a diferença!

4 minutos para ler

Se você perdeu um ou mais dentes, sabe o desconforto que é. Além de dificuldades com a mastigação, muita gente sente receio de conviver com outras pessoas por causa da perda da dentição. De fato, a situação pode atrapalhar tanto a vida pessoal como profissional. Para solucionar o problema é possível optar pela prótese com ou sem implante.

Você as conhece? Ambas são indicadas para quem sofre com a falta de dentes, porém, têm suas peculiaridades. Seja qual for a solução mais adequada para você, a orientação é procurar o dentista para repor a dentição, de modo a restaurar e manter a forma, a funcionalidade, a aparência e a saúde bucais.

Neste post, vamos esclarecer o que é prótese com ou sem implante e suas principais diferenças. Entenda!

O que é prótese com ou sem implante?

Veja, abaixo, qual é a definição de prótese com ou sem implante!

Prótese sem implante

É chamada também de prótese fixa. Essa opção é indicada para quem perdeu um ou mais dentes, porém, ainda mantém alguns na boca. É que o molde necessita de parte da dentição para funcionar como pilar e ser afixado.

Mas vale lembrar que há ainda a prótese removível. Conhecida popularmente como dentadura, ela substitui toda a arcada dentária perdida.

Prótese com implante

É a dentição artificial inserida após realização de um implante dentário, procedimento necessário quando o paciente perdeu a raiz do dente. A técnica pode ser realizada em pacientes que perderam apenas um ou mais dentes.

Quais as diferenças entre ambos os procedimentos?

Confira, agora, as principais diferenças entre a prótese com ou sem implante!

Não necessidade do implante

Na prótese sem implante, como o próprio nome sugere, não há necessidade de realizar implante dentário. Isso se deve porque, nesse caso, o paciente mantém parte da dentição preservada, que serve de molde para a fixação da prótese. Ou porque ele opta pelo modelo removível.

Uso de parafuso de titânio

Tal dispositivo é o próprio implante, necessário para substituir a raiz do osso gengival. Portanto, é inserido durante o procedimento de prótese com implante. Em geral, ele é feito de titânio, material que se integra facilmente à gengiva. O período denominado osseointegração leva em torno de quatro a seis meses.

Cuidados durante higienização bucal

Pacientes que utilizam prótese removível (portanto, sem implante) devem fazer a higienização da peça que substitui o dente separadamente da boca. O conselho é utilizar uma escova macia e algum limpador de dentaduras, se possível.

Já as próteses fixas sem implante requerem a escovação e o uso de fio dental. Porém, é preciso um cuidado maior durante o procedimento. Os dentistas costumam indicar as escovas interdentais, que são excelentes para remover restos de alimentos localizados em regiões mais difíceis da boca.

Quem optou por prótese com implante dentário também deve realizar a escovação normalmente, além de utilizar fio dental e enxaguante bucal. Mas é preciso destacar que esses pacientes precisam frequentar o consultório odontológico de seis em meses, a fim de realizarem manutenção.

Durabilidade

A técnica mais durável é a da prótese com implante. A depender dos cuidados de higiene, o procedimento perdura por décadas. Mas como dissemos, é necessário fazer manutenção com o dentista periodicamente. Quem usa prótese sem implante também deve ir ao dentista com regularidade.

E então, entendeu as diferenças entre prótese com ou sem implante? Se você, por alguma razão, perdeu um ou mais dentes, recomendamos que procure um dentista responsável e de confiança para verificar qual técnica é mais apropriada para seu caso. Assim, você voltará a ter um sorriso bonito e uma melhor qualidade de vida. Pense nisso!

As informações deste post foram úteis? Se sim, que tal disseminar conhecimento? Compartilhe-o agora mesmo em suas redes sociais!

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário